Estação de monta

Atualizado: Set 22


No Brasil Central a expectativa que temos para o rebanho de corte é que a vaca Nelore tenha 1 bezerro por ano, mas para isso acontecer devemos entender toda a anatomia e fisiologia das matrizes Nelores (Bos indicus) e os períodos de gestação que são de 290 dias.


Suponhamos que a vaca está parindo 1 bezerro por ano, mas ao decorrer do tempo os pecuarista perceberam que os bezerros nascidos em algumas épocas do ano (épocas mais favoráveis), alcançavam o peso de desmama mais rapidamente. A partir dai veio o conceito de estação de monta, já que existe uma diferença grande em estações do ano e a qualidade dos bezerros nascidos nas respectivas épocas.


Vantagens da estação de monta:


  • Melhor desempenho dos animais com nascimento e amamentação nas épocas mais favoráveis das pastagens. Uma vaca parida com oferta de forragem abundante, fará bezerros mais pesados na desmama;


  • Menor necessidade de reserva de forragem pela adequação das necessidades nutricionais com a estacionalidade de produção de forragem, e equalização das curvas de exigência das vacas com a curva de estacionalidade de produção (animais com um padrão e condição corporal melhor, e ainda assim pela grande oferta de forragem, podem ter potenciais mais elevados;


  • Facilidade de medição e gestão dos índices reprodutivos;


  • Padronização das vendas;


  • Aumento da Taxa de Prenhes (condição corporal sincronizada com a época de crescimento da pastagem);


A estação de monta nos mostra também uma melhora significativa no manejo do rebanho (sincronização das atividades de nascimentos, lotes homogêneos tem manejo mais eficiente e uniformidade) e o melhor conhecimento das matrizes e dos touros reprodutores como um todo.


Você sabia de todos esse benefícios da estação de monta? Caso seja produtor rural, já utilizava essa técnica?

0 comentário